Rio Branco, AC, 21 de abril de 2024 06:13

Após alagação no Acre, mais de 100 famílias ficam sem suas casas em Brasiléia

Facebook
Twitter
WhatsApp

Após a cheia do rio Acre que ultrapassou a marca crítica de 15,55 metros, mais de 100 famílias enfrentam o desespero de não ter para onde ir, no município de Brasiléia. A situação se agrava com o desabamento e destruição de várias residências, deixando muitos desabrigados e desalojados.

A proporção do desastre é alarmante, tendo em vista que cerca de 80% do município foi atingido pela alagação. Com a destruição de inúmeras casas, cinco escolas se destacam como pontos de apoio para às famílias afetadas, oferecendo abrigo, assistência e alimentação.

Além do suporte imediato, as autoridades estão cadastrando as famílias no programa de aluguel social, buscando soluções de moradia temporária enquanto a situação se normaliza. No entanto, os desafios são enormes, e a reconstrução das áreas afetadas exigirá esforços conjuntos de diversos setores da sociedade.