Rio Branco, AC, 14 de julho de 2024 00:07

Após dias foragido da polícia, Ícaro Pinto condenado por atropelar e matar Jonhliane Paiva se entrega à polícia

Facebook
Twitter
WhatsApp

Ícaro Pinto, condenado por atropelar e matar Jonhliane Paiva, em 2020, entregou-se à polícia na última segunda-feira (26). Ícaro teria quebrado uma medida do regime aberto que cumpria anteriormente, o que resultou na sua prisão.

Em janeiro do ano corrente, Ícaro teria se envolvido numa briga no Mercado do Bosque, o que culminou no pedido do Ministério Público do Acre (MPAC) pela sua prisão, que foi acatado pela justiça. No entanto, desde o mês de janeiro, ele não teria se entregado à polícia.

Os advogados de Ícaro negociaram, junto ao delegado Emilson Farias, da Delegacia de Flagrantes (Defla), a apresentação do réu à polícia. “A polícia cumpriu o pedido de prisão preventiva e já comunicamos ao juiz. Agora ele participará de audiência de custódia”, disse o delegado.