Rio Branco, AC, 14 de abril de 2024 03:04

Governo envia 700 kg de insumos em apoio à população atingida pela cheia em Santa Rosa do Purus

Facebook
Twitter
WhatsApp

O governo do Acre enviou 700 quilos de alimentos e itens de primeira necessidade nesta segunda-feira, 26, para auxiliar a população atingida pelas cheias no município de Santa Rosa do Purus, no interior do estado. O Rio Purus, que circunda parte da cidade, começou a subir no sábado, 24, e ainda nesta segunda registrou 11,12m, ultrapassando a cota de transbordamento de 9m. Na primeira medição desta terça-feira, 27, o rio baixou e marcou 10,95m, permanecendo acima da cota de transbordo.

O governo do Estado mobilizou equipes para enviar insumos em um avião de pequeno porte, a partir de Rio Branco, em uma ação conjunta da Companhia de Armazéns Gerais e Entrepostos do Acre (Cageacre) e das secretarias de Estado da Casa Civil, de Povos Indígenas (Sepi), de Meio Ambiente (Sema) e de Assistência Social e Direitos Humanos (SEASDH). Com as doações, seis abrigos devem receber cestas básicas com ovos, frangos e sacolões, além de fraldas descartáveis para crianças, redes e cortinados, para garantir mais conforto aos desabrigados e desalojados

Em Santa Rosa do Purus, a cheia deste ano já é histórica para a população do município, e alcançou as zonas urbana e rural do município. Cerca de 1.495 pessoas receberam atendimento do Corpo de Bombeiros. Representando o governo, o presidente da Cageacre, Pádua Cunha, foi ao município para organizar as equipes locais e garantir que toda a estrutura do estado esteja à disposição para o que for necessário.

“Seguindo uma determinação do governador Gladson Cameli, estamos levando alimentos, fraldas, redes e medicamentos para atender as pessoas que precisam de ajuda neste momento. Nossa intenção é organizar a estrutura do Estado no município, para estar à disposição do prefeito e das pessoas que precisam”, ressaltou.

“O município está sofrendo com as casas caindo, as pessoas perdendo os bens, saindo de casa porque não têm onde ficar, é uma coisa muito triste. Então eu estou feliz pela parceria do governo do Estado, os secretários dando apoio à situação que nós estamos passando. É muito importante essa ajuda que está chegando”, enfatizou o prefeito do Município, Tamir de Sá.

Uma segunda remessa de insumos, medicamentos e filtros de água está prevista para ser enviada ao município ainda esta semana.

Decreto de emergência

No domingo, 25, o governo publicou o decreto n°11.414, que estabelece emergência em 17 cidades do estado inundadas devido às cheias de rios e igarapés.

A medida tem validade de 180 dias e abrange as cidades de Assis Brasil, Brasileia, Capixaba, Cruzeiro do Sul, Epitaciolândia, Feijó, Jordão, Mâncio Lima, Marechal Thaumaturgo, Plácido de Castro, Porto Acre, Porto Walter, Rio Branco, Santa Rosa do Purus, Sena Madureira, Tarauacá e Xapuri.

Além disso, o governo tem desempenhado ações para auxiliar os demais municípios atingidos. As ações de governo podem ser acompanhadas pela página Rios do Acre, na Agência de Notícias do Acre.