Rio Branco, AC, 21 de abril de 2024 07:29

Colisão entre carro e moto deixa um morto e outro ferido na BR-364

Facebook
Twitter
WhatsApp

Uma colisão entre um veículo modelo Honda Civic e uma motocicleta tirou a vida de Jamerson do Nascimento Ferreira, de 24 anos e deixou Marcos Antônio, de 27 anos, ferido na noite do último domingo, 31, na entrada do conjunto Habitacional Cidade do Povo, na BR-364, em Rio Branco.

Segundo informações de populares que presenciaram o acidente, Jamerson e seu amigo Marcos trafegavam em uma motocicleta modelo Honda Biz 125 ks, de cor vermelha, no sentido Rio Branco/Porto Velho com destino ao seu trabalho no posto de mola e borracharia, quando o motorista do veículo modelo Honda Civic, de cor prata, que trafegava no sentido Porto Velho/Rio Branco, invadiu a pista contrária para fazer uma conversão à esquerda para entrar no conjunto Habitacional Cidade do Povo e colidiu de frente contra a moto biz.

Com o impacto Janderson foi arremessado e bateu fortemente a cabeça contra o para-brisa do veículo, desmaiou e sofreu múltiplas fraturas na perna direita. Já o seu amigo, Marcos, que também foi arremessado, sofreu ferimentos pelo corpo. O motorista permaneceu no local.

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) foi acionado, e duas ambulâncias, uma de suporte básico e outra de avançado foram enviadas. Os Paramédicos prestaram os primeiros atendimentos a Janderson e o colocaram dentro da ambulância. O motociclista precisou ser entubado e em seguida sofreu uma parada cardiorrespiratória. Foi iniciado o protocolo de passagens cardíacas e após 30 minutos Jandedson não resistiu aos ferimentos e morreu. Marcos recebeu os primeiros socorros da outra equipe do SAMU, foi estabilizado e encaminhado ao Pronto Socorro de Rio Branco (PS) em estado de saúde estável.

O local do acidente foi isolado pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) para os trabalhos de perícia.

O corpo de Janderson foi encaminhado pela própria ambulância do SAMU ao Instituto Médico Legal (IML), para os exames cadavericos.

A motocicleta e o carro Honda Civic foram removidos por um guincho e a BR-364 foi totalmente liberada.

O motorista Alcides da Rocha que não estava embriagado foi encaminhado à Delegacia de Flagrantes (DEFLA) para prestar esclarecimentos e em seguida foi liberado.

Populares chegaram a relatar a reportagem que quem estava dirigindo o veículo Honda Civic, não era Alcides e sim outra pessoa que fugiu do local juntamente com duas mulheres, porém, Alcides afirmou a reportagem que o veículo está em seu nome e quem dirigia o carro era ele mesmo.