Rio Branco, AC, 21 de abril de 2024 06:23

Conselho Estadual de Inovação, Ciência e Tecnologia se reúne para lançar Conferência Estadual e plataforma de coleta de propostas e sugestões

Facebook
Twitter
WhatsApp

A Conferência Estadual de Ciência, Tecnologia e Inovação vai acontecer dia 2 de abril

Em reunião realizada na última quarta-feira, 20, no Sebrae Acre, membros do Conselho Estadual de Inovação, Ciência e Tecnologia reuniram para lançar a Conferência Estadual do setor e a plataforma de coleta de propostas e sugestões onde a população poderá fazer contribuições. A etapa estadual será realizada dia 2 de abril de 2024, na FIEAC, mas as contribuições já podem ser enviadas pelo site ecossistemaac.online.

O Conselho Estadual de Inovação, Ciência e Tecnologia do Acre foi instituído dia 5 de janeiro de 2024, o colegiado foi regulamentado por meio da Lei Estadual nº 4.132 de 17 de julho de 2023, com o objetivo de estimular o desenvolvimento científico, a pesquisa, a capacitação tecnológica e a inovação do sistema produtivo no estado. O Conselho tem em sua composição 15 instituições representativas, formado por membros do ecossistema de inovação.

O secretário de Estado de Indústria, Ciência e Tecnologia (Seict), Assurbanipal Mesquita, destacou a importância da Conferência como mecanismo norteador da política de ciência, tecnologia e inovação no Acre.

“A Conferência é mais uma etapa do trabalho do Conselho de Ciência e Tecnologia, ano passado foi criado um Grupo de Trabalho para começar a discutir o desenvolvimento da ciência, tecnologia e inovação no estado do Acre, fruto desse trabalho foi aprovada a Lei da Inovação, ou seja, nós criamos uma legislação que atualizou a que já existia e assim um ambiente favorável para fortalecer esse campo de conhecimento. Em seguida, foi criado o Conselho de Ciência, Tecnologia e Inovação, que é formado pelas principais instituições que têm atuação nessa área, agora o colegiado precisa saber as trilhas e os caminhos a seguir, por isso, vamos realizar a Conferência”, explicou.

Assurbanipal Mesquita enfatizou que a Conferência se configura em um processo democrático no qual o Conselho de Ciência, Tecnologia e Inovação vai poder ouvir as pessoas interessadas em contribuir com essa política. “Esse processo é muito importante para a concepção de políticas públicas, propostas e ações para o setor, olhando mais para médio e longo prazo, porque no curto prazo já temos diversas ações acontecendo. O Conselho vai receber essas propostas e a partir daí vai poder fazer um trabalho de criação de um plano mais de médio e longo prazo, porque esse campo de conhecimento tem grande importância para o Estado, porque com o desenvolvimento desse campo vamos poder valorizar mais o setor produtivo, valorizar mais nossos pesquisadores, as universidades, no sentido de direcionar a atuação de todos na vocação e no potencial do Estado, que aponta para a Bioeconomia, o Agronegócio, a Tecnologia da Informação, dentre outros campos possíveis de ser trabalhado”, disse.

Cooperativismo representado no Conselho

Membro titular do Conselho, o presidente do Sistema OCB do Acre, Valdemiro Rocha, pontuou a contribuição do cooperativismo para o desenvolvimento do estado.

“O cooperativismo é um instrumento de organização econômica e de fomento e fortalecimento da economia local e de cada um dos municípios do estado do Acre, além disso, para nós essa área de ciência e tecnologia é muito importante, porque as nossas cooperativas e os seus dirigentes precisam tomar decisões baseadas em dados, e nada melhor do que pesquisa, principalmente nessa área para gerar dados para que possamos tomar decisões mais assertivas possível. Então, essa iniciativa do Governo do Estado junto com a Secretaria de Ciência e Tecnologia, é muito importante para o nosso setor e as nossas cooperativas, que atuam em várias áreas, seja no meio rural ou urbano, temos as cooperativas de crédito que precisam de bastante informação e dados, e essa parte de pesquisa, tecnologia, inovação é fundamental para que as nossas cooperativas possam atender a população e funcionar de maneira mais adequada”, avaliou.

Consulta Pública

“Quero reforçar que essa Conferência já está aberta e que a partir de hoje o processo de escuta está iniciado, qualquer pessoa pode contribuir com sugestões e propostas através do site ecossistemaac.online. O Conselho quer receber essas propostas e no dia 2 de abril vai acontecer a plenária final, de posse dessas propostas, o Conselho e o Estado do Acre terão um documento, uma rota de desenvolvimento, e vai poder conceber e desenvolver esse campo de conhecimento aqui no nosso Estado”, finalizou o secretário da Seict.

O link para a consulta pública ficará aberto até o dia 2 de abril (ecossistemaac.online).

Texto: Andréia Oliveira
Fotos: Alice Hainã