Rio Branco, AC, 21 de abril de 2024 05:52

Governo do Acre se prepara para o transbordamento do Rio Juruá, em Cruzeiro do Sul

Facebook
Twitter
WhatsApp

O governo do Acre, por meio da Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública (Sejusp), em parceria com o Gabinete do Governador no Juruá e parceiros das esferas federal e municipal, realizou na manhã desta segunda-feira, 26, uma reunião em que a estrutura governamental do Estado na região foi colocada à disposição para a execução de medidas de enfrentamento à possível cheia do Rio Juruá, em Cruzeiro do Sul.

Integração de forças das esferas estadual, municipal e federal. Foto: Marcos Santos/Secom

A iniciativa foi realizada na unidade do Centro Integrado de Comando e Controle (CICC), na segunda maior e mais populosa cidade acreana, e reuniu representantes do Gabinete do Governador no Juruá; o coordenador da Sejusp na região, major Clélio Moura Pinto; os comandantes locais do Exército Brasileiro e da Marinha do Brasil, além de representantes da Fundação Nacional dos Povos indígenas (Funai), da Defesa Civil municipal, do Departamento Estadual de Trânsito e das forças de Segurança no município.

“A Sejusp planejou a reunião emergencial com o objetivo de reunir forças para alinhar a contribuição dos envolvidos com logística e pessoal, para que possamos desenvolver um serviço de qualidade à sociedade, no caso de uma possível situação de cheia em Cruzeiro do Sul”, ratifica o major Pinto.

Encontro foi liderado pela Sejusp. Foto: Marcos Santos/Secom

De acordo com a Defesa Civil, o Rio Juruá, em Cruzeiro do Sul, deve atingir a cota de transbordo, que é de 13 metros, nos próximos dias. “Estamos nos antecipando diante das previsões sobre a situação do manancial. A troca de informações entre Estado e prefeitura faz com que possamos oferecer todo auxílio necessário”, completou Francisco Gomes, representante do Gabinete do Governador no Juruá, que enfatizou que o suporte deve se estender aos demais municípios da região que enfrentam o momento de crise.

“A Defesa Civil celebra o encontro em que ficou acordado a ajuda com viaturas e embarcações de pequeno e médio porte, além de recurso humano. Saímos daqui fortalecidos para dar uma melhor resposta à população que, porventura, necessite da nossa intervenção”, pontua José Lima, coordenador da Defesa Civil de Cruzeiro do Sul.

Em Cruzeiro do Sul, o manancial ultrapassou a cota de alerta, que é de 11,80 metros, no último domingo, 25. Na primeira medição desta segunda-feira, 26, o Juruá apresentou 12,32 metros.