Rio Branco, AC, 14 de abril de 2024 21:55

Homens invadem residência, roubam pertences e carro de família e são feridos em troca de tiros com a PM em Rio Branco

Facebook
Twitter
WhatsApp

Gabriel Alves da Silva, de 30 anos, e um adolescente ficaram feridos a tiros após trocarem tiros com a Polícia Militar (PM) na madrugada deste domingo (7), na rotatória da Corrente, na BR-364 no bairro Santa Inês, na região do Segundo Distrito de Rio Branco.

Segundo informações da polícia, Gabriel e dois adolescentes de 15 e 16 anos invadiram uma residência no Ramal da Judia, no bairro Belo Jardim 1, e fizeram uma família de refém. Com armas apontadas para as vítimas e sob ameaças de morte, os suspeitos roubaram objetos de valor e o carro da família, e em seguida fugiram pelo Ramal da Judia.

A família conseguiu ligar para a PM e pediu ajuda. Uma guarnição foi ao local e colheu as características dos suspeitos e do veículo da família, um Classic de cor branco. Em ronda pela região, o veículo foi encontrado ainda no Ramal da Judia, iniciando uma perseguição polícial. Os homens saíram do Ramal da Judia e entraram na BR-364, onde mais viaturas do 2º Batalhão e da Rotam, que faz parte do Batalhão de Operações Especiais (Bope), começaram a dar apoio à perseguição.

Na rotatória da Corrente, Gabriel e os adolescentes desceram do veículo atirando contra os PMs do 2° Batalhão e do Bope. Na troca de tiros, as viaturas ficaram perfuradas de tiros e os policiais conseguiram atingir Gabriel com seis tiros, sendo raspão na cabeça, no pescoço de raspão, nos braços e nas pernas. Já o adolescente de 15 anos foi atingido por um tiro de raspão na cabeça e o outro adolescente de 16 anos saiu ileso. Nenhum Policial Militar se feriu na troca de tiros.

Após os suspeitos serem rendidos, os próprios PMs ligaram e pediram apoio ao Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) para socorrer os feridos. A ambulância de suporte básico 06 prestou os primeiros atendimentos e também foi enviada uma ambulância de suporte avançado para estabilizar o quadro clínico de Gabriel. Ele foi encaminhado para o Pronto Socorro de Rio Branco (PS) em estado de saúde grave. O adolescente de 15 anos também foi levado ao PS em uma ambulância de suporte básico e, depois de algumas horas, foi liberado e encaminhado à Delegacia de Flagrantes (Defla).

O local foi isolado para o trabalho da perícia criminal. Depois do trabalho dos peritos, o carro foi removido e o adolescente de 16 anos recebeu voz de apreensão e foi conduzido para à Delegacia de Flagrante (Defla), junto aos comparsas, com o veículo roubado, as armas de fogo e os objetos subtraídos da residência das vítimas, para serem tomadas as medidas cabíveis.